Estados Unidos e França na final do ouro olímpico

Estados Unidos e França na final do ouro olímpico

Estados Unidos e França farão a grande final olímpica. Na madrugada desta quinta (5), os Jogos Olímpicos de Tóquio conheceram os finalistas para a disputa da cobiçada medalha de ouro do basquete masculino. A partida será na sexta (06), às 23h30 (horário de Brasília), entre EUA e França. Os dois times já se encontraram em Tóquio, na primeira rodada do grupo A, e, na ocasião, a França arrancou uma vitória da esquadra dos EUA.

Os Estados Unidos, mesmo com esse tropeço e dos jogos antes da Olimpíada que não passavam tanta confiança, disputarão o prêmio máximo do esporte. O rival dos americanos será a França, que conquistou a vaga numa vitória dramática de apenas um ponto frente à seleção da Eslovênia.

E para o embate do terceiro lugar, Austrália e os eslovenos encontrarão-se no sábado (07), às 8h.

SIGA O ECB NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO TWITTER E NO TIKTOK

Estados Unidos 97 x 78 Austrália

A partida, que começou 1h15 da madrugada para o público brasileiro, aconteceu na Saitama Super Arena, o palco olímpico para o manejo da bola laranja. Os finalistas venceram dois quartos; porém, a primeira metade do jogo terminou em uma leve vantagem para os australianos (42 a 45). A recuperação dos EUA rumo à disputa do ouro somente veio a partir do terceiro quarto, com um impressionante 32 a 10 em cima dos rivais.

O número de turnovers, no total, ficou em 16 para os Estados Unidos e um a menos para a Austrália.

Kevin Durant foi o cestinha para os pupilos de Gregg Popovich. O astro do Brooklyn Nets anotou 23 pontos, agarrou nove rebotes e ainda passou duas assistências. Devin Booker veio atrás na pontuação geral, com 20. E os colegas do anel de campeão do Milwaukke Bucks deste ano, Jrue Holiday e Khris Middleton, cravaram 11 pontos cada um.

Para os lados dos Boomers, Patty Mills fez uma partida coesa, de 15 pontos e cinco rebotes, além de oito assistências. Jock Landale, que garantiu para a seleção australiana uma constância de pontos durante o torneio, anotou 11. Ele terminou sua participação em Tóquio com uma média de 12,8 pontos. Já Mills conseguiu 20 durante a campanha japonesa da equipe downunder.

França 90 x 89 Eslovênia

A França está na final do basquete masculino nos Jogos Olímpicos. Nesta madrugada, a seleção de Rudy Gobert venceu a Eslovênia por apenas um ponto. Na disputa pelo ouro, os franceses enfrentarão os Estados Unidos.

O principal nome da seleção vencedora foi o ala-armador Nando De Colo, que terminou a partida com 25 pontos, além de sete rebotes e cinco assistências. Ao seu lado, Evan Fournier, recém-contratado pelo New York Knicks, com 23 pontos.

Luka Doncic arrancou dos franceses apenas 16 pontos em 36 minutos, o que prova que a boa marcação francesa conseguiu encaixar para conter o astro do Dallas Mavericks.

Partida final e terceiro lugar

A grande final será na sexta (06), entre França e Estados Unidos, às 23h30 (horário de Brasília), na mesma Saitama Super Arena. A disputa da medalha de bronze entre Eslovênia e Austrália acontece depois, no sábado (07), às 8h (horário de Brasília).

Com Lucas Ardito. 

3 thoughts on “Estados Unidos e França na final do ouro olímpico

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: