O fim ou recomeço do Esporte Clube Pinheiros?

O fim ou recomeço do Esporte Clube Pinheiros?

Foto: Ricardo Bufolin / Esporte Clube Pinheiros

A temporada do Novo Basquete Brasil (NBB) só começa em novembro e muitas equipes já começaram a se agitar no mercado de transferências. Porém, uma equipe tradicional de São Paulo que sempre monta bons times, ainda não mostrou nenhum movimento no mercado e muito menos nos bastidores, esse é o caso do Esporte Clube Pinheiros.

O maior clube poliesportivo da América Latina localizado no Jardim Europa, segue imóvel sobre a continuação do basquete. Situação preocupante para a modalidade e que gera ansiedade por parte dos torcedores pinheirenses.

OUÇA O NOVO EPISÓDIO DO NOSSO PODCAST: EP 26 – NBA Awards (Parte 1)

A equipe que já foi campeã da Liga das Américas em 2013, campeã paulista em 2011 e possui uma das melhores bases sub-22 do país, vive uma grande incógnita neste momento. Mesmo o NBB começando em novembro, era provável ver alguma movimentação do time paulista pelo menos para o Estadual de São Paulo que deve acontecer no próximo mês.

Com muitas especulações sobre o time a ser montado, o que vimos até o momento são as saídas de jogadores fundamentais como Betinho, Corderro Bennett, Dawkins, Marcus Toledo, Isaac, além da dispensa do treinador César Guidetti que comandava da equipe.

O que é falado nos bastidores é da possível confirmação do David Pelosini (atual técnico campeão da LDB) como treinador do time principal e que o clube apostaria nos jovens talentos da casa. O Pinheiros também tentaria trazer pelo menos 4 jogadores mais experientes para a composição do novo elenco e lembrando, que a equipe passa por problemas financeiros e não teria um grande  orçamento para a nova temporada.

LEIA TAMBÉM: Bate-papo com Salva Mendes, recrutador do Baskonia

A questão do momento é: o Pinheiros vai montar time? Quais jogadores experientes virão para a nova temporada?

O tempo está passando e no caso do basquete, o tempo não é a melhor solução. Os bons jogadores ficam cada vez mais escassos no mercado e os seus rivais se reforçam cada vez mais.

Que esse não seja um momento de fim do basquete no clube e sim, de um recomeço. Porém, que seja um recomeço sólido e que possa trazer bons frutos para o Pinheiros.

One thought on “O fim ou recomeço do Esporte Clube Pinheiros?

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: